Veja como:

✓ Conectar câmeras via RTMP
✓ manter um bom fluxo de manutenção para conexão de câmeras via RTMP

O que é RTMP?

O RTMP é uma conexão de LAN para WAN, ou seja a câmera é responsável por enviar o stream de vídeo para a Monuv através de um endereço (URL) personalizado que deverá ser indicado para o serviço RTMP da câmera.

Esse artigo é dedicado a redes de câmeras em especifico da marca Intelbras.
O motivo de usar câmeras Intelbras com RTMP é para que você possa manter um controle de manutenção remoto usando ferramentas como o programa SIMNEXT.

Porque RTMP?

O RTMP é uma conexão de fácil configuração que não necessita de um IP público válido, ou seja poderá ser usado em redes que estejam em CGNAT, onde não é possível o encaminhamento de portas de forma direta no roteador do cliente.

Desvantagens da conexão RTMP

Devido a câmera não receber solicitações regulares de conexão como no RTSP onde a Monuv envia constantemente pacotes para que a conexão se mantenha ativa, no RTMP o equipamento é totalmente responsável por sustentar essa conexão, sendo assim se o equipamento por algum motivo encerrar essa conexão e parar o envio de dados, a conexão só será retomada quando o equipamento executar novamente uma solicitação de envio de dados para o servidor da Monuv e neste caso, para que o novo envio de dados se inicie é preciso reiniciar o equipamento.

Então vou ter que pedir para meu cliente reiniciar câmera sempre que isso acontecer?
Não, a ideia aqui é conseguir usar conexão RTMP com gerenciamento remoto em qualquer local que tenha internet, não importando se está em CGNAT ou não.

Para que isso seja possível vamos precisar manter um padrão de equipamentos e manter um banco de dados dos equipamentos usando um software de gerenciamento, por esse motivo é indicado trabalhar com câmeras Intelbras via RTMP pois a Intelbras proporciona um gerenciamento remoto via P2P usando o software SIMNEXT.

Para gerenciar a rede de câmeras RTMP Intelbras vamos precisar de algumas informações:

  • Serial da câmera IP ou DVR

  • Usuário e Senha do equipamento a ser adicionado

Instalando o SIMNEXT no computador:

Para usar o SIMNEXT no computador primeiro é preciso baixar e instalar o software segue abaixo o link para download:
https://www.intelbras.com/pt-br/sistema-inteligente-de-monitoramento-intelbras-sim-next-windows#beneficios

Após instalado, o programa irá pedir um nome de usuário e senha. Por padrão, você pode utilizar como usuário admin e senha admin, pois essas informações só vão ser necessárias para logar na interface do programa no PC:

Adicionando câmeras ao SIMNEXT:

Assim que entrarmos no SIMNEXT será exibida a interface do programa, onde será possível acessar as opções de gerenciamento das câmeras Intelbras adicionadas ou adicionar novas câmeras.

Passo 1 Dados da câmera como encontrar:

  • Serial

O serial da câmera pode ser encontrado na etiqueta da câmera:

Ou na interface de configuração do equipamento em configurações>informações>versão:

  • Usuário e senha

O usuário e senha deverão ser cadastrados no ato da inicialização da câmera, caso não seja você quem tenha inicializado esse equipamento vai ser preciso identificar com o responsável pela câmera o usuário e senha.

Passo 2 Adicionando o equipamento ao SIMNEXT:

Após verificar os dados necessários precisamos adicionar o equipamento ao SIMNEXT.

O primeiro passo é acessar a opção "Dispositivos" dentro do programa:

Com a aba dispositivos aberta vamos adicionar o dispositivo usando a opção "Novo"

Após clicar em novo você verá a seguinte tela:

Nesse formulário de cadastro de equipamento vamos precisar preencher os campos:

  • Nome

  • SN(serial)

  • Usuário

  • Senha

Após preenchido o formulário vamos precisar clicar em adicionar e continuar e verificar se a câmera vai ficar online na lista de câmeras

Depois de adicionada agora a câmera irá aparecer na lista de equipamentos:

Conforme a imagem acima temos que verificar que o tipo de conexão é Cloud (P2P) ou cloud (Relay).


Nesses casos não deve-se nunca adicionar DDNS ou IP fixo e devemos sempre manter as portas padrões tanto na câmera quanto no formulário para que não seja necessário ajustar o cadastro do SIMNEXT.

Passo 3 reiniciando a câmera usando o SIMNEXT:

Após adicionada a câmera podemos agora acessar a interface de gerenciamento de configurações de cada dispositivo.


Para isso devemos abrir uma nova aba no SIMNEXT

Depois clicar em "Configuração de Dispositivos"

Após clicar será aberta uma lista de dispositivos adicionados, vamos selecionar o dispositivo que queremos reiniciar:

Após selecionar o dispositivo o SIMNEXT irá mostrar uma pagina de opções onde podemos ajustar parâmetros de rede, vídeo, entre outros, mas nesse caso queremos saber como reiniciar o equipamento, então vamos clicar em Manutenção

Ao clicar em Manutenção o sistema irá abrir uma nova janela nessa nova janela vamos clicar em Auto Manutenção, depois de selecionar Auto manutenção a tela vai exibir um botão "Reiniciar"

Ao clicar em reiniciar o sistema vai perguntar se você deseja realmente reiniciar o dispositivo. Clique em confirmar e pronto! O dispositivo vai reiniciar e o RTMP deve retornar a transmitir.

Subindo uma câmera via RTMP na Monuv

Para subir a câmera como RTMP é simples:

Passo 1: Informe ao suporte Monuv qual o plano de gravação (resolução e dias de armazenamento) e o cliente ao qual será atribuído a câmera. Com essas informações nós iremos incluir a câmera na sua lista de câmeras.


OBS: Você precisa cadastrar o cliente ANTES de solicitar a conexão da câmera.

Clique aqui para saber mais sobre cadastro de clientes

Passo 2: Após a câmera cadastrada vamos enviar uma URL de conexão que você deverá incluir no serviço RTMP da câmera conforme as imagens abaixo:

Acesse as configurações pela interface da câmera:

Acesse a aba de serviços de conexão:

Acesse a configuração do RTMP, habilitar o serviço escolher o tipo de stream que deseja entregar, selecionar tipo de endereço personalizado e incluir a URL fornecida pela Monuv:

Passo 3: Após ajustar a URL na(s) câmera(s) não se esqueça de fazer o checklist para que não seja necessário voltar no cliente para ajustes simples.

  • Verificar se a câmera está com firmware atualizado.

  • Verificar o vídeo ao vivo no player WEB.

  • Verificar o vídeo ao vivo no app Monuv e Câmera nuvem

  • Analisar se pode haver algum comportamento de imagem travando ou fora do comum.

Caso a imagem apresente algum comportamento inadequado em qualquer um dos players (WEB, IOS, Android), será preciso comunicar o time de suporte da Monuv para que possamos ajustar a URL de acordo com o sistema da sua câmera.

Outra dica importante é sempre ajustar o stream da câmera conforme o pano contratado e para melhor estabilidade de conexão.

Plano FullHD
Stream Principal

Resolução = 1920x1080

Fps = 10

Tipo de Bit Rate = Constante/CBR

Taxa de bit rate Máxima = 1524

Compressão de vídeo = h.264

Stream Secundário

Resolução = 720x480

Fps = 6

Tipo de Bit Rate = Constante/CBR

Taxa de bit rate Máxima = 256

Compressão de vídeo = h.264

Plano HD
Stream Principal

Resolução = 1280x720

Fps = 10

Tipo de Bit Rate = Constante/CBR

Taxa de bit rate Máxima = 896

Compressão de vídeo = h.264

Stream Secundário

Resolução = 720x480

Fps = 6

Tipo de Bit Rate = Constante/CBR

Taxa de bit rate Máxima = 256

Compressão de vídeo = h.264

Plano VGA
***Para VGA é recomendado usar apenas o stream secundário

Stream Secundário

Resolução = 720x480

Fps = 10

Tipo de Bit Rate = Constante/CBR

Taxa de bit rate Máxima = 256

Compressão de vídeo = h.264

Gostou?

Que tal ver exemplos reais e práticos e ainda conhecer outros recursos da Monuv? Cadastre-se em app.monuv.com.br/register.


Encontrou sua resposta?